As opiniões emitidas neste blog, salvo aquelas que correspondem a citações, são de responsabilidade do autor do blog, em nada refletindo a opinião de instituições a que o autor do blog eventualmente pertença. Nossos links são verificados permanentemente e são considerados isentos de vírus. As imagens deste blog podem ser usadas livremente, desde que a fonte seja citada: http://ramonlamar.blogspot.com

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Sete Lagoas tem bafômetro?

Desculpem-me os leitores. Mas tem horas que eu preferia ser analfabeto para não ser capaz de ler e entender certas coisas. 
De quê adianta uma legislação punitiva em relação ao motorista que dirige embriagado se uma cidade do porte de Sete Lagoas não possui o bafômetro numa época de festas, onde sabidamente as pessoas "enchem a cara"? Teremos o milagroso aparelho aqui no período de carnaval? Ou Sete Lagoas é cidade-sem-lei mesmo e pronto acabou?
Acabo de ler no "Sete Dias" (clique aqui), em relação ao episódio que vitimou a pequena Iasmin, que o bafômetro "estava emprestado para a polícia de Belo Horizonte"EMPRESTADO! Eu já havia lido que ele (o único, o benditeufruto) estava em manutenção, mas EMPRESTADO??? Quer dizer que Belo Horizonte também está carente do aparelho? As vidas de Belo Horizonte são mais valiosas do que as de Sete Lagoas? O quê dizer do resto das nossas Minas Gerais, então? E do resto do país? A "Lei Seca" foi apenas mais um palco iluminado das nossas perdidas ilusões de que o Estado funciona e se preocupa com os cidadãos? A p**** dos impostos que pagamos não pode ser revertida para uma cidade de 214.000 habitantes ter uns 3 bafômetros funcionantes e uns 100 gramas de bom senso (que é grátis!)? Muros vão continuar caindo sobre os nossos filhos e nossas mães vão continuar sendo atropeladas ao atravessarem as ruas?
Difícil, numa hora dessas, saber quem está mais errado. Fácil é saber quem faleceu, quem se encontra com o coração ferido pela perda de um ente querido. Fácil é dar as condolências e fazer promessas vãs em relação ao conceito de justiça "dos homens" ou "de Deus".

Ramon Lamar de Oliveira Junior

Um comentário:

  1. Ramon, mais um problema que dificulta a aplicação das leis no Brasil: a falta de instrumentos de trabalho que dão suporte à aplicação.
    Não se surpreenda...
    A falta de bafômetros é geral e ocorre em todo o país.
    Dados que confirmam a afirmação acima?!
    Confira quem quiser com as polícias das pequenas, médias e grandes cidades do país, se a quantidade de bafômetros em suas cidades são suficientes para as operações sejam elas em épocas de festividades ou até mesmo em operações rotineiras...

    ResponderExcluir

Clique em "Participar deste site" e siga o blog para sempre receber informações sobre atualizações. O seu comentário será publicado após ser lido pelo administrador do blog.