As opiniões emitidas neste blog, salvo aquelas que correspondem a citações, são de responsabilidade do autor do blog, em nada refletindo a opinião de instituições a que o autor do blog eventualmente pertença. Nossos links são verificados permanentemente e são considerados isentos de vírus. As imagens deste blog podem ser usadas livremente, desde que a fonte seja citada: http://ramonlamar.blogspot.com

terça-feira, 30 de outubro de 2012

ENEM: história oficial e história real.

Estou participando de uma discussão no Blog do Flávio de Castro sobre o NOVO ENEM. Na verdade, estou sendo massacrado por conhecer a realidade do exame e não apenas a propaganda oficial. São várias falácias, vários argumentos que só quem já fez o ENEM conhece. Vamos desmontar alguns deles:
"É um exame moderno, atual, inteligente, que cobra competências e habilidades que todos nós devemos tê-las durante a té após a vida escolar. O "decoreba" foi abolido dos vestibulares "pegadinhas" de outrem."
Que posta esse comentário nunca nem viu a prova do ENEM. A decoreba existe e as pegadinhas também. Para citar duas questões (senão nem cabe no blog):

Vamos lá, leitor da propaganda oficial! Resolva essa sem ter decorado a fórmula!
Para o leitor de propagandas oficiais essa é dificílima. Pegadinha e tanto! De cara vocês eliminariam a letra D, não é? Afinal, somos o país da matriz energética limpa! Então... acabaram de eliminar a resposta conforme o gabarito oficial!

E ainda existem as questões mal-feitas, sem pé-nem-cabeça, como a do N'gaura. Importante para a nossa vida, não? Certamente um conhecimento que levaremos para o resto de nossas vidas!!!

Se alimenta as plantas via raízes, o Ngaura deveria ser nitrogênio ou fósforo. Não é! Vejam a resposta aqui: http://ramonlamar.blogspot.com.br/2011/09/ngaura-e-enem-2010.html Ah, não precisa... vocês já sabem!


"... uma prova que "vazou" mas o que é isso dentre milhões..."

Ah, sim! "UMA" prova que vazou e comprometeu milhões de candidatos. Mas tem também uma prova impressa errada e que comprometeu outros milhões! Uma folha de respostas com o cabeçalho trocado e um pré-teste que vazou e criou uma situação surreal. Nada de mais, não é mesmo? Principalmente para quem não estava participando do concurso!!!
"Diversas faculdades e universidades já tem o ENEM como processo classificatório de seus cursos."
Sim... diversas faculdades foram praticamente obrigadas pelo MEC a aderir ao sistema. Mesmo aquelas que prometeram não usar até que o sistema fosse confiável, o adotaram logo após a primeira fraude. É... foi a UFMG.
"E o melhor, a cereja do bolo: já vale as cotas sociais e dentro delas as raciais. Que concordem ou não, estão aí e devem permanecer por um bom tempo."
Cotas sociais e raciais já estavam sendo discutidas antes do ENEM. Inclusive pela UFMG que conseguiu o disparate de aceitar a auto-declaração de loiros como afrodescendentes. E a cota social era ter estudado na escola pública. Melhor agora com a determinação de um número exato de vagas reservadas.
"No estacionamento da UFMG não se verão mais só AUDI ou Mercedez. Vai ter também um UNO 1.o a álcool do filho de pedreiro."
Estamos torcendo é para ver bicicletas no estacionamento da UFMG. E no estacionamento das Faculdades de Medicina da Região Norte só estamos vendo os carros dos estudantes do sudeste que foram para lá e tiraram as vagas do povo da região. Em seu pleno direito, claro! Mas tomara que trabalhem por lá, ou tais regiões ficarão sem médicos em pouco tempo. Tenho uma ex-aluna fazendo medicina em Manaus e já falou comigo que ficará por lá (essa tem consciência!). E cuidado com o preconceito embutido... há pedreiros que estão ganhando mais do que muitos profissionais de curso superior hoje em dia.
"... as ações do governo no PT na educação vão produzir um efeito importante no Brasil, daqui a 10, 15 anos."
Já estão produzindo! As faculdades tiveram que criar a disciplina Introdução ao Cálculo (ou Cálculo 0) pois os alunos estão chegando sem base alguma já que o ENEM não cobra a parte mais complicada da matemática (que é do currículo do ensino médio e dos PCNs). Por que o ENEM não cobra todos os conteúdos de matemática? Para dar a ilusão de facilidade? Agora os professores universitários (aqueles mesmos que se exigiu mestrado e doutorado) deverão ensinar disciplinas do ensino médio. Estão preparados para isso?
"Hoje o estudante de baixa renda tem uma enormidade de programas que o ajude a ingressar na universidade. Financiamento em faculdades privadas (diversos programas sem muita dificuldade de acesso), cotas em federais com critérios socio-economicos e raciais. A desigualdade social no país vai ser seriamente diminuída."
Sem dúvida. Mas muitas vagas estão disponíveis em faculdades que estão sendo auditadas pelo MEC e não estão cumprindo as regras do PROUNI, disponibilizando apenas vagas ociosas e em cursos de baixa procura. Tenho ex-alunos excelentes fazendo Medicina e outros bons cursos graças ao PROUNI. Sei que eles merecerão e se esforçaram. Sempre digo que foi uma das grandes conquistas dos últimos anos, mas há muitas falhas no processo ainda. Mas os critérios raciais já causaram inúmeras distorções. E o critério de escola pública também. Vocês consideram que os estudantes do Coltec (UFMG), Coluni (Viçosa) e Colégio Militar (BH) são estudantes de escolas públicas de baixo rendimento e que merecem cotas de ajuda?
Sugiro que todos os que acham o ENEM uma maravilha, que cobra conhecimentos que todos devemos ter a vida inteira (então não é desculpa) que se inscrevam e façam a próxima prova. E depois vejam como funciona o Sisu. Será um aprendizado, tenho certeza.

Ramon Lamar de Oliveira Junior

Passamos de 300.000 acessos!!!

300.000 ACESSOS

Valeu, gente! 
Valeu por prestigiarem o blog
Espero estar contribuindo com alguma coisa, levando algum conhecimento e algumas imagens legais, tirando algumas dúvidas e colocando outras, ou mesmo apenas dando início a algumas discussões. 
Obrigado!
Ramon Lamar de Oliveira Junior

domingo, 28 de outubro de 2012

Resultado das Eleições 2012 em São Paulo (Segundo Turno)

A atenção do país volta-se para a maior de nossas cidades, São Paulo. Fernando Haddad (PT) e José Serra (PSDB) reeditam as recentes contendas entre os dois partidos. Opiniões inflamadas em uma campanha complicadíssima, que já teve o Celso Russomanno (PRB) como franco-favorito no primeiro turno.
As manchetes do dia, baseadas nas últimas pesquisas, dão vitória ao Haddad. Vejamos como as urnas vão se comportar...

Última pesquisa IBOPE na Folha de S.Paulo

O mesmo no Estadão (O Estado de São Paulo)
Aguardando a pesquisa "boca-de-urna" e os resultados oficiais... a previsão é que o resultado total saia pouco depois das 19 horas.

Divulgados resultados das pesquisas de "boca-de-urna":

IBOPE: Haddad: 57%        José Serra: 43%


RESULTADOS OFICIAIS
100% das urnas apuradas e a vitória do Haddad à prefeitura de São Paulo.

Consulte o mapa da votação por bairros no site da Folha de S.Paulo clicando AQUI.
Arte: Ariel Tonglet/Folhapress - do link citado acima.

Percentuais aproximados de votos dos candidatos, abstenções, nulos e brancos. (Fonte: ramonlamar.blogspot.com)
Muito interessante também são os gráficos que mostram a evolução dos redutos eleitorais em São Paulo nas últimas eleições em http://www1.folha.uol.com.br/poder/1176889-pt-cresce-em-areas-onde-perdeu-em-2008-em-sao-paulo.shtml

Antioxidantes: heróis ou vilões?

Não é raro, dependendo do horário que assistimos televisão, sermos bombardeados nos comerciais por uma ação orquestrada para estimular o consumo de antioxidantes. Afinal é uma indústria de bilhões de dólares anuais. Em certas emissoras tal prática chega a consumir quase todo o intervalo comercial, com propagandas de 1 minuto de duração e ainda inserções durante os próprios programas, os famosos "merchans"
Desde 1983, quando em conjunto com os então colegas do Curso de Medicina comecei a ler sobre o assunto para escrever e apresentar um trabalho da disciplina "Química Fisiológica" intitulado "Megadoses de Vitaminas e Outros Compostos", que me interessei pelo assunto. Salta aos olhos o baixo nível de informação que é passado aos "consumidores". Já ouvi entrevista em que um médico afirmou que o lipídeos "trans" têm esse nome porque são facilmente "trans"portados para a parede dos vasos sanguíneos. O conceito de isomeria "cis"/"trans", verdadeira origem do termo, pelo visto é desconhecido pelo médico.
E assim são os telespectadores, ouvintes e leitores convencidos a ingerir doses maciças de medicamentos, quando na verdade o que importa é uma boa e bem dosada alimentação.


Uma dúvida que me persegue há um bom tempo é a respeito da ação dos antioxidantes sobre as células que participam do nosso processo de defesa do organismo. Alguns dos processos de defesa, como o ataque contra alguns causadores de doenças ou contra células tumorais, são baseados na produção de radicais livres (agentes oxidantes, espécies reativas de oxigênio) contra tais alvos. Aí vem a dúvida, suportada por alguns trabalhos científicos pouco divulgados: o EXCESSO de antioxidantes não poderia prejudicar tais mecanismos de defesa e aumentar a incidência de determinados tipos de cânceres?
Selecionei alguns links sobre o assunto e sugiro a leitura. Alguns são de Portugal (daí o termo câncer ser substituído por cancro).

Clique nos links seguintes:

Antioxidants, programmed cell death, and cancer (Antioxidantes, morte celular programada e câncer). Resumo abaixo:
Understanding the role of reactive oxygen species (ROS) in apoptosis opens new approaches for controlling cancer growth, and suggests that patients with cancer may not always want to ingest extra antioxidants. Many epidemiological studies suggest that increased intake of fruits and vegetables, and of other foods that contain antioxidants can protect against the DNA damage that can initiate carcinogenesis. However, recent data indicates that cells use reactive oxygen species as part of the signaling process responsible for activating an important mechanism for eliminating cancer cells, programmed cell death (also called apoptosis). Many anti-cancer agents depend on this form of cell death for their efficacy. In this review we present an overview of the role of ROS in carcinogenesis and in apoptosis, and we raise questions about the proper dietary recommendations for individuals with cancer.
Tradução: A compreensão do papel das espécies reativas de oxigênio (ROS) na morte celular programada abre novas abordagens para controlar o crescimento do câncer, e sugere que os pacientes com câncer nem sempre devem ingerir quantidades extra de antioxidantes. Muitos estudos epidemiológicos sugerem que o aumento da ingestão de frutas e legumes, e de outros alimentos que contêm antioxidantes, podem proteger contra danos ao DNA que podem ser iniciadores da formação do câncer (carcinogênese). No entanto, dados recentes indicam que as células utilizam espécies reativas de oxigênio, como parte do processo de sinalização responsável ​​pela ativação de um mecanismo importante para a eliminação de células cancerosas, a morte programada de células (também chamada apoptose). Muitos agentes anticâncer dependem desta forma de morte celular para a sua eficácia. Nesta revisão, apresentamos uma visão geral do papel das ROS na carcinogênese e na apoptose, e levantamos questões sobre as recomendações dietéticas adequadas para indivíduos com câncer.
A questão fundamental parece estar, como sempre, relacionada a dose: a velha questão da diferença entre remédio e veneno. Gostaria de ouvir a opinião de meus ex-alunos sobre o assunto.

Ramon Lamar de Oliveira Junior

terça-feira, 23 de outubro de 2012

7 anos de Patrulha da Alegria

Acho que não há muito mais o que comentar sobre a Patrulha da Alegria. A foto abaixo, do espetáculo comemorativo dos 7 anos da trupe resume todo o sentimento que existe por trás do trabalho desses anjos. Levar uma dose de alegria para quem está doente, levar uma dose de alento para quem está sem esperança... e fazer isso com um sorriso no rosto é tarefa das mais árduas. 

Apresentação Teatral na Casa da Cultura de Sete Lagoas/MG - PATRULHA DA ALEGRIA: SETE ANOS, SETE CENAS (Foto sequestrada do perfil do Daniel "Dr. Bulachão" Matos Guimarães.
Repito aqui o comentário que fiz no Facebook, ao compartilhar a imagem acima:

"A humanização da Medicina passa pelo trabalho dessas pessoas. A força, a energia e o poder curativo de um sorriso no rosto é inigualável. Ainda não inventaram medicamento melhor do que esse, pois ele trabalha na alma, na vontade de ser vencedor na luta da vida. Parabéns a todos vocês!"

Ramon Lamar de Oliveira Junior

domingo, 21 de outubro de 2012

"Chuva de Meteoros": o máximo é hoje!

Daqui a pouco, a partir das 21:30 horas, inicia-se o pico da chuva de meteoros nas proximidades da constelação de Órion. A constelação de Órion é popularmente conhecida pela presença do "cinturão de Órion", formado por três estrelas próximas quase alinhadas visualmente, conhecidas como "As Três Marias". 
Pois bem, por volta das 21:30 horas até a 1:00 da madrugada de amanhã, a Terra estará atravessando uma região do espaço com fragmentos de uma passagem do Cometa Halley. Estes fragmentos entram em nossa atmosfera e se incendeiam, sendo conhecidos como "meteoros" ou "estrelas cadentes".
A constelação de Órion estará visível, aqui em Sete Lagoas, por volta das 23 horas, no leste (local do "nascer do sol"). Como a "chuva" ocorrerá um pouco abaixo da citada constelação, imagino que observaremos apenas o final do fenômeno, por volta das 23:00 horas em diante. 
A imagem abaixo, do site http://explorandoouniverso-ciencias.blogspot.com.br/2012/10/bela-chuva-de-meteoros-na-noite-do-dia.html mostra o ponto de irradiação da "chuva":

Pela consulta ao programa Stellarium, o evento será bem ao leste. Portanto desprezem a palavra "Norte" na imagem acima.
Espera-se que no momento de máxima intensidade ocorrerá a visualização de cerca de 25 meteoros por hora. É esperar para ver. O tal de Halley já nos deixou na mão no passado, não é? E vamos torcer também para não haver nuvens.

Ramon Lamar de Oliveira Junior

PS.: Quem não é de Sete Lagoas poderá ter problemas para encontrar "As Três Marias". Para resolver, leia o tópico http://ramonlamar.blogspot.com.br/2011/06/stellarium-planetario-em-casa.html e baixar o programa Stellarium (é gratuito e muito muito muito bom). Não se esqueçam de configurar o funcionamento dele para sua cidade (Teclar F6). Dá para aprender em uns 30 minutos.

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Fogo na Serra de Santa Helena agora!

Quinta-feira, 18 de outubro, 17 horas.


Pessoal do Grupo da Brigada no Facebook, entrem no grupo e contatem o Gustavo e o Max Tadeu que já estão indo para a área.
Esse foco foi controlado pelos brigadistas e bombeiros.

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

O custo da formação do médico


Texto disponível em: http://www.ammg.org.br/jornal.detalhe.php?codSubCat=99&codJor=47

Josué Lessa, meu ex-aluno e querido amigo, na capa do Jornal da Associação Médica de Minas Gerais. Bem escolhido para a matéria. Josué é um sujeito lutador, consciente e um exemplo de dedicação nos momentos de adversidades. 


E o preço é o de menos! Não se esqueça que o futuro médico terá que estudar, estudar, estudar, estudar e estudar até o máximo que conseguir (às vezes bem além do máximo). Vejo muitos estudantes querendo (da boca para fora) fazer Medicina, mas na hora do esforço, por qualquer momento de "festinha" que aparecer na sexta-feira à noite, esquecem de seus propósitos e da dureza que é alcançar o objetivo. Não é fácil, não se consegue sem esforço. E o esforço continuará, tenha certeza, por toda a vida estudantil e profissional. Ah, e não se esqueçam de responder a pergunta: "Eu tenho mesmo vocação para ser médico?". Também é bom lembrar que mesmo nas Universidades Federais o custo é alto: livros (na faixa de R$ 300,00 cada, para mais à medida que a especialização vai aumentando), transporte, moradia, alimentação, equipamentos...
Comentários: Ramon Lamar de Oliveira Junior

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Natureza no Distrito de Tabuleiro

Por favor, aqueles que gostam de detonar a natureza (mesmo dizendo que vai ficar chique, lindo e maravilhoso) afastem-se de lá! Ok?























Fotos: Ramon Lamar de Oliveira Junior

sábado, 13 de outubro de 2012

Distrito de Tabuleiro do Mato Dentro, Minas Gerais.

O Distrito de Tabuleiro pertence à cidade de Conceição do Mato Dentro. Aqui está localizada a maior cachoeira de Minas Gerais e a terceira maior do Brasil. Com uma queda d'água de 273 metros e um poço de 42 metros de profundidade, a Cachoeira do Tabuleiro é simplesmente majestosa.

Cachoeira do Tabuleiro. (Foto: Ramon L. O. Junior)
Cachoeira do Tabuleiro. (Foto: Ramon L. O. Junior)
A área da Cachoeira do Tabuleiro encontra-se no Parque Natural Municipal do Ribeirão do Campo, envolvido pelo Parque Estadual Serra do Intendente. Essas duas Unidades de Conservação formam um conjunto com a APA do Morro da Pedreira e o Parque Nacional da Serra do Cipó, constituindo-se num corredor de conservação da enorme biodiversidade da Serra do Espinhaço. Conservação não só da biodiversidade, como também do endemismo das espécies e da oportunidade que todos nós temos de conhecer esses ambientes de abundante riqueza imaterial.
Nos hospedamos na Pousada da Gameleira (do Samuel e do Sérgio), no Distrito de Tabuleiro. A pousada é absolutamente agradável, bem cuidada, com todos muito atenciosos. A alimentação é um capítulo à parte: um blog só não seria suficiente para descrever a qualidade do café da manhã, do almoço e dos petiscos. O Samuel foi nosso guia nos passeios e é especialista na arte de bem conviver e de compartilhar experiências e informações.

Pousada da Gameleira, localizada a 2 km da entrada do Parque Natural Municipal do Ribeirão do Campo e 4 km de distância da Cachoeira do Tabuleiro. (Foto: Ramon L. O. Junior)
Vista geral do Distrito de Tabuleiro, do alto do Mirante. (Foto: Ramon L. O. Junior)

A Igreja do Sagrado Coração de Jesus. (Foto: Ramon L. O. Junior)

Samuel, da Pousada Gameleira, é guia experiente para mostrar todos os atrativos da região. (Foto: Ramon L. O. Junior)

O guarda-parque Nilton, do Parque Natural Municipal do Ribeirão do Campo, zelando pela segurança dos frequentadores do parque. No nome dele, enviamos um abraço a todos os funcionários do parque. (Foto: Ramon L. O. Junior)
Ao todo são mais de 10 passeios possíveis na região. Não dá para fazer nem metade num final de semana. Em outras palavras... logo estaremos de volta!

Poço Pari, outro local de visitação obrigatória no Distrito de Tabuleiro (Foto: Andreia A.C. Silva)
Ramon Lamar de Oliveira Junior

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Biguás


Poema para os biguás

Um biguá,
dois biguás,
três biguás,
oito biguás,
na ilha dos biguás.
Caminhando pela porta de saída.

No final da tarde é mais comum vermos vários biguás na Ilha dos Biguás. Na foto acima, um biguá em companhia de dois quero-queros. Quando eu conseguir uma foto de vários biguás, atualizarei a postagem.
A primeira vez que pude observar os biguás com mais atenção (apesar de já tê-los observado nas lagoas Paulino, José Félix e na Pampulha) foi no Pantanal Matogrossense, próximo à cidade de Cáceres. Fiquei impressionado com o número de biguás secando suas asas à margem do rio. Interessante também foi a precisão da pesca dos animais, que mergulhavam por um tempo prolongado não sem retornar à superfície com uma presa (geralmente alguma espécie de bagre, como barbados pequenos, por exemplo). Abaixo um pequeno texto do wikiaves sobre os biguás.
O biguá (Phalacrocorax brasilianus) é uma ave da ordem Pelecaniformes, da família Phalacrocoracidae. Ave aquática, mergulha em busca de peixes e permanece um bom tempo debaixo d'água, indo aparecer de novo bem lá na frente, mostrando apenas o pescoço para fora d'água. Para facilitar seus mergulhos, suas penas ficam completamente encharcadas, eliminando o ar que fica entre as penas e que dificulta os mergulhos. Ou seja, não são daquelas aves aquáticas que se caracterizam por possuir glândula uropigeana desenvolvida para impermeabilizar as penas, ao contrário. Para secá-las é comum vê-los pousados com as asas abertas ao vento. Quase sempre visto em grandes bandos voando próximo d'água, em formação em “V”. Quando voam se assemelham a patos, sendo às vezes considerados como tais equivocadamente. Também são conhecidas pelos nomes de biguá-una, imbiuá, mergulhão, miuá e pata-d'água.
Características: É uma ave de cor preta em plumagem adulta e marrom-escura em juvenil. Atinge até 75 cm de comprimento e peso em torno de 1,3 kg; possui pescoço longo, cabeça pequena, bico cinzento longo e fino, sendo que a ponta da maxila termina em forma de gancho.
Alimentação: Alimenta-se de peixes e crustáceos. Para capturar sua presa, mergulha a partir da superfície da água e, submerso, persegue-a. Os pés e o bico possuem função primordial na perseguição e captura. Um exímio mergulhador, não se contenta com os peixes da superfície. Mergulha em meio a ziguezagues, viravoltas e consegue abocanhar sua presa.

Reprodução: Nidifica sobre árvores em matas alagadas, às vezes entre colônias de garças. Ovos de coloração azul-claro. Incubação em torno de 24 dias.
Hábitos: Vive em lagos, grandes rios e estuários. Devido as fezes serem ácidas, podem danificar árvores, mas adubam a água, favorecendo a manutenção das populações de peixes, e assim atraindo outras aves para se alimentar.
Distribuição Geográfica: Sua distribuição geográfica vai do sudeste do Arizona (EUA) à Terra do Fogo, extremidade austral da América do Sul.
(Informações modificadas a partir de: www.wikiaves.com.br/bigua)

A gente vê e sabe que não vai dar certo...

Imagens obtidas hoje (11/out/2012):

Eu não sabia que o Ipê que perdeu uma galha estava condenado... e nem sabia que a escada do Arthur Bernardes não tem como ser recuperada!

O "Arquipélago da Lagoa Paulino" aumentando...

Os políticos sujam o chão com santinhos... e alguns "cidadãos" sujam o resto da cidade (1).

A calçada da Lagoa Paulino é a nova ciclovia! Atenção pedestres!!! O uso de bicicletas precisa ser feito com consciência e respeito às leis de trânsito e da natural educação que vem do berço.

Caminho inútil (1): todo mundo passa pelo lado para não quebrar uma perna.

Caminho inútil (2).

Os políticos sujam o chão com santinhos... e alguns "cidadãos" sujam o resto da cidade (2).

Canteiro de roseiras! Sem jardineiros que sabem cuidar de roseiras, o destino é essa moita!
Fotos: Ramon Lamar de Oliveira Junior

PS.: Aí, Márcio Reinaldo, trabalho é o que não falta. E isso só na minha humilde visão de biólogo e cidadão num trecho de menos de 1 km.