As opiniões emitidas neste blog, salvo aquelas que correspondem a citações, são de responsabilidade do autor do blog, em nada refletindo a opinião de instituições a que o autor do blog eventualmente pertença. Nossos links são verificados permanentemente e são considerados isentos de vírus. As imagens deste blog podem ser usadas livremente, desde que a fonte seja citada: http://ramonlamar.blogspot.com

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

É vero???

CRUZEIRO X PALMEIRAS
Segundo o Painel FC, A delegação do Palmeiras e os árbitros do jogo contra o Cruzeiro tiveram de deixar o estádio sem tomar banho. Saíram reclamando que não havia água em seus vestiários. Com voo às 20h30, os palmeirenses voltaram sujos a São Paulo. 
 
Com a palavra, os responsáveis. Inclusive aqueles que colocaram diversos outdoors falando que a água do Jacaré estava garantida. Vai ver é por causa da seca!

Foto: Ramon Lamar de Oliveira Junior

4 comentários:

  1. Ontem um cruzeirense me confirmou que a notícia é verdadeira. Água no vestiário do Cruzeiro e nem uma gota nos demais.

    ResponderExcluir
  2. Setor de Comunicação do SAAEterça-feira, dezembro 07, 2010 2:34:00 PM

    Professor Ramon, o SAAE tomou conhecimento da nota publicada no jornal Folha de São Paulo e encaminhou o email transcrito abaixo para a assessoria de imprensa da ADEMG:

    "Rivelle Nunes, boa tarde.

    A edição de segunda-feira (06/12) do jornal Folha de São Paulo trouxe, na coluna Painel FC, a seguinte nota:

    'Cê-cê. A delegação do Palmeiras e os árbitros do jogo contra o Cruzeiro tiveram de deixar o estádio sem tomar banho. Saíram reclamando que não havia água em seus vestiários. Com voo às 20h30, os palmeirenses voltaram sujos a São Paulo.'

    O Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Sete Lagoas (SAAE) - autarquia municipal responsável pelo abastecimento de água e a captação de efluentes da cidade - obteve informações junto ao seu setor operacional e comprovou que o fornecimento de água para o estádio e ruas adjacentes estava normalizado durante todo o final de semana (dias 4 e 5 de dezembro) em que aconteceu a partida do Cruzeiro.

    Por isso, o setor de Comunicação do SAAE gostaria de questionar à ADEMG se realmente procede a informação publicada pela Folha de São Paulo e, em caso positivo, qual a razão de ter faltado água nos vestiários do Palmeiras e dos árbitros.

    Gratos,
    Sayonara Teixeira e Pablo Pacheco
    Setor de Comunicação do SAAE"

    ResponderExcluir
  3. Sayonara e Pablo,
    aguardamos ansiosamente a resposta da ADEMG. Não deixem de avisar quando a mesma chegar.
    Abraços.

    ResponderExcluir

Clique em "Participar deste site" e siga o blog para sempre receber informações sobre atualizações. O seu comentário será publicado após ser lido pelo administrador do blog.