As opiniões emitidas neste blog, salvo aquelas que correspondem a citações, são de responsabilidade do autor do blog, em nada refletindo a opinião de instituições a que o autor do blog eventualmente pertença. Nossos links são verificados permanentemente e são considerados isentos de vírus. As imagens deste blog podem ser usadas livremente, desde que a fonte seja citada: http://ramonlamar.blogspot.com

quarta-feira, 27 de abril de 2011

O perigo na Castelo Branco

Por solicitação da SEMMA (Secretaria Municipal de Meio Ambiente), o 25o BPM fez um levantamento em seu banco de dados obtendo as informações sobre as ocorrências atendidas pelos militares daquele batalhão na Avenida Marechal Castelo Branco no período de 2006 a 2010. 
Os dados encontram-se na tabela abaixo e assustam pelo volume total de ocorrências (mais de 300) com o registro de 4 vítimas fatais (lembremos que ainda existem aquelas ocorrências que são resolvidas sem o envolvimento da PM). Chama atenção no levantamento o incremento do número de ocorrências em 2010 (95 no total), possível indicador do agravamento da situação naquela via.

[Clique na imagem para ampliar]
Está aberta a discussão sobre as causas de tantos acidentes.  
A priori são levantadas hipóteses referentes ao aumento do trãnsito na área (principalmente com veículos pesados), a alta velocidade desenvolvida por alguns motoristas e a existência de um grande número de retornos/passagens por interrupções do canteiro central da via.

[Clique nas imagens para ampliar] Veículos cruzando a Av. Marechal Castelo Branco em dois dos pontos em que é possível cruzar o canteiro central (filmagem feita para estudo da situação da avenida em questão).
O certo é que já está passando da hora de agir no local, sendo muito louvável a participação da SEMMA como órgão que pode ajudar a integrar soluções para a região, já que se trata de uma questão que também envolve os órgãos responsáveis pelo trânsito, pelo turismo (principalmente em tempos de utilização intensiva da Arena do Jacaré) e a Secretaria de Obras. 
Não podemos deixar que um novo "anel rodoviáro de BH" se instale naquele local.

Tabela, imagens e texto: Ramon Lamar de Oliveira Junior
Com informações da SEMMA e do 25o BPM.

Um comentário:

  1. Ramon.

    A Castelo Branco, Perimetral e Norte-sul viraram pistas de corrida em Sete Lagoas, inclusive para veículos muito pesados.
    Tenho o costume de dirigir devagar na cidade por uma questão muito simples: o imprevisto acontece o tempo todo. Mas vá tentar fazer isso na Castelo Branco ou Perimetral. É gente piscando farol como se estivesse na estrada e caminhões que ameaçam passar por cima com tudo. E quando se fala de caminhões não é só uma ameaça. Com a velocidade que eles andam desenvolvendo é fisicamente impossível parar um o veículo em caso de imprevisto. Vide as tragédias do Anel Rodoviário de BH.

    ResponderExcluir

Clique em "Participar deste site" e siga o blog para sempre receber informações sobre atualizações. O seu comentário será publicado após ser lido pelo administrador do blog.