As opiniões emitidas neste blog, salvo aquelas que correspondem a citações, são de responsabilidade do autor do blog, em nada refletindo a opinião de instituições a que o autor do blog eventualmente pertença. Nossos links são verificados permanentemente e são considerados isentos de vírus. As imagens deste blog podem ser usadas livremente, desde que a fonte seja citada: http://ramonlamar.blogspot.com

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Tragédias, urbanismo e conscientização

Acabo de receber e-mail do Roda Viva anunciando o entrevistado da próxima segunda-feira (17 de janeiro de 2011). Segue o texto (os grifos em vermelho são por minha conta):

Jaime Lerner
Arquiteto e urbanista

Nos últimos dias o Brasil acompanhou com tristeza o desenrolar da imensa calamidade que se abateu sobre a região serrana do Rio de Janeiro. Petrópolis, Teresópolis e Nova Friburgo, cidades conhecidas pelo lazer e pelas belas paisagens, sofreram aquela que já é considerada a maior catástrofe urbana do Brasil. Em meio à perplexidade e ao desespero das populações atingidas, o poder público, mais uma vez, chegou tarde. Veio tentar remediar o que poderia ter sido evitado; socorrer quem não precisava ter sofrido; enterrar os inocentes que não deveriam ter morrido.
Sim, todos sabem quem são os inocentes. Mas e os culpados? Há culpados? O Roda Viva dessa segunda-feira não poderia deixar de debater as questões que a tragédia do Rio levanta. Como planejar o crescimento racional das cidades? Como evitar que desastres anunciados venham a acontecer? Como regulamentar a ocupação das encostas? Como educar os governantes e a população e impor limites à ocupação desordenada de áreas de risco? Para ajudar a pensar em respostas a estas questões, vamos receber no centro da nossa roda o arquiteto e urbanista Jaime Lerner, três vezes prefeito de Curitiba, duas vezes governador do Paraná. Hoje, afastado da política, Lerner é um respeitado consultor internacional, que dispensa maiores apresentações.

Participam como convidados entrevistadores: Paulo Moreira Leite, jornalista; Milton Jung, jornalista da Rádio CBN; Gilberto Scofield, repórter especial do jornal O Globo e Daniel Bergamasco, editor de cotidiano do jornal Folha de S. Paulo.

Apresentação: Marília Gabriela


O Roda Viva é apresentado às segundas a partir das 22h00.
Você pode assistir on-line acessando o site no horário do programa.
http://www2.tvcultura.com.br/rodaviva 


Fiquei pensando na tragédia que se abateu sobre algumas cidades do Rio de Janeiro e na condução da política urbana de Sete Lagoas. 
Logo agora que alguém criou coragem de colocar ordem na casa... o resto da história nós conhecemos.
Queira Deus que a ocupação desordenada, sem infraestrutura e sem destinação adequada do esgoto (como está acontecendo na Lagoa do Brejão) e as obras malucas de engenharia (como o boulevard sobre o Córrego do Diogo) não venham produzir aqui também esse tipo de tragédia.

Ramon Lamar de Oliveira Junior

PS.: Estou assistindo a entrevista do Jaime Lerner. Apesar de algumas colocações um pouco confusas e, à primeira vista utópicas, Lerner toca na ferida das questões relativas ao Planejamento Urbano em todos os níveis: moradia, transporte, presença do poder público etc.
Imagem captada durante a entrevista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clique em "Participar deste site" e siga o blog para sempre receber informações sobre atualizações. O seu comentário será publicado após ser lido pelo administrador do blog.