As opiniões emitidas neste blog, salvo aquelas que correspondem a citações, são de responsabilidade do autor do blog, em nada refletindo a opinião de instituições a que o autor do blog eventualmente pertença. Nossos links são verificados permanentemente e são considerados isentos de vírus. As imagens deste blog podem ser usadas livremente, desde que a fonte seja citada: http://ramonlamar.blogspot.com

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Bueiros esperando vítimas

Já tem um tempo que observo o tamanho de alguns bueiros que existem em Sete Lagoas. Apesar de serem extremamente raros, pois concentram-se em apenas algumas ruas da região central, certos bueiros são desproporcionalmente grandes. Aliás, tais aberturas podem ser chamadas de bueiros?

[Clique na imagem para ampliar] Observe, pela proporção com os tijolos que são visíveis no interior do bueiro, que a abertura do mesmo tem cerca de 30 centímetros. Esquina da Rua Amazonas com a Av. Antônio Olinto, logo abaixo do viaduto.
Imagine o risco de uma chuva torrencial arrastar uma criança para dentro da galeria. Nem imagine demais, para não ficar apavorado. Até mesmo a possibilidade (menos dramática) de sacos de lixo serem arrastados lá para dentro, entupindo a galeria e provocando diversos problemas. Que tal uma grade, ou barras que evitem esse tipo de acidente? Pedir desculpas depois não vai adiantar.

Texto e foto: Ramon Lamar de Oliveira Junior

Um comentário:

  1. O mais indecente de todos fica na esquina das ruas Lassance Cunha com Dr. Pedro Luiz, bem em frente ao Edificio Liberal. Será que os IPTUS que as pessoas pagam nas duas ruas não dá para fazer um serviço decente no local? E vai administração, volta, continua, as pessoas falam em recandidatar mas não conseguem nem consertar um bueiro de rua. Haja paciência...

    ResponderExcluir

Clique em "Participar deste site" e siga o blog para sempre receber informações sobre atualizações. O seu comentário será publicado após ser lido pelo administrador do blog.