As opiniões emitidas neste blog, salvo aquelas que correspondem a citações, são de responsabilidade do autor do blog, em nada refletindo a opinião de instituições a que o autor do blog eventualmente pertença. Nossos links são verificados permanentemente e são considerados isentos de vírus. As imagens deste blog podem ser usadas livremente, desde que a fonte seja citada: http://ramonlamar.blogspot.com

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Pororoca no Rio de Esgoto

Hoje, no meu quarteirão da Professor Abeylard.
Sé Lagoa, 22 de agosto de 2011

Prezado amigo Paulinho do Boi,

Hoje ocê perdeu! Foi o máximo dos máximo. A enxentia veio com força total e trôxe aquele tanto de bagre de enxentia. Nóis travessou a rede no rio e pimba! Peguemos muitos bagre e inté uns outro peixe esquisito lá no meio: veio pacu, tambacu, pirarucu... Um cunhecido que é desses tar de birólogo disse que é pur causa desses outro peixe que a água fica cheia duns bichim chamado coniformes fecal.
Parece que a represa da Dona Leopoldina ruiu e as água descêro com vontade. Num se preocupe que ninguém se machucô, mas os carro de boi tá tudo sujo e enlameado.
Abração procê e recomendação pra sua patroa.
Deus guarde vassuncê muitos ano.

Seu amigo,

Nomar

PS.: A lameira foi tanta que saiu inté num tar jornar virtuar. Aperta AQUI que ocê lê.

5 comentários:

  1. Adorei, Ramon!
    num é que ta sabendo falá inté capiau!
    Deu o recado certinho viu?
    bjus
    celle

    ResponderExcluir
  2. Uai, Sinhá Célia.
    Capiauês é a premêra linguage nossa!

    ResponderExcluir
  3. Cumpade Professor

    Já tentei punhá um escrito aqui nesse negocia de computadore, mas, seu brog tá carregado que nem os carro de boi levando cana pru gado...
    Vamos a prosa que que a demora é pouca.
    Eu já tinha falado com Sinhazinha Leopoldina sobre os pirigo da barrage dela. Eu avisei pra ela chamar o Frerd irmão do Fernando, acho que ele é ingenheiro, o Fernando também trabaia num troço de carculá massa, vorlume, pressão... Essas coisa que num intendo. Sinhá num quis me ovir. O probrema é se o coroner apricar murta nela. Falando nisso, cê tá sabendo que num pode isticá redia nesses tempo de agua baixa. Cuidadio com coroner murtar ocê também. Devo de passar aí no seu quintar pra proseá e pescar um pouco hehe, aproveitar a cheia. Fala com cumade para fazer broa de mio e apunhá o cafe no fogo. Vamo isticá a rede na lagoa do cumpadre Paulino, lá os fiscá num vai de jeito maneira e fiquei sabendo que o Pirarucu tá fulô d'àgua por cauda que a lagoa tá virando brejo. Nos vai é se dar bem pescando.

    Prepara a galoxa!
    Porque nos é chato mas é de galoxa.

    Inté
    Paulinho do Boi

    ResponderExcluir
  4. Caros cumpadis..s
    nu purtugueis nóis num é muito do bão não!Mais querdito que nos negócio de contá agente agarante!Os pobrema tudo é qui nóis num sabe carculá as boua vontadi dos povo do tar de SAAE... Eita puvinho danado sô!!!!Deve que tào trabaianu muito né?Agora solução nóis tem: quem sabe nhô Ramon num leva as bosta prá adubá os cantêro da av. Villa Lobo ?

    Inté pessoar!!!

    ResponderExcluir
  5. Ara, que num é que é mermo uma boa idéia? Só que tem que curti a bosta inhantes.

    ResponderExcluir

Clique em "Participar deste site" e siga o blog para sempre receber informações sobre atualizações. O seu comentário será publicado após ser lido pelo administrador do blog.