As opiniões emitidas neste blog, salvo aquelas que correspondem a citações, são de responsabilidade do autor do blog, em nada refletindo a opinião de instituições a que o autor do blog eventualmente pertença. Nossos links são verificados permanentemente e são considerados isentos de vírus. As imagens deste blog podem ser usadas livremente, desde que a fonte seja citada: http://ramonlamar.blogspot.com

domingo, 4 de julho de 2010

Trevo da BR 040: Perigo e Vergonha

Tanta coisa por se fazer.
Para cada canto que se olha há uma necessidade urgente. O trevo da entrada da cidade na BR 040 já deixou de ser urgência faz tempo. É emergência arrumar aquilo ali.
Refiro-me à falta de iluminação. Parece que os responsáveis (?) estão apenas esperando um acidente violento ali para tomar alguma providência. Talvez depois construam um boulevard e batizem com o nome das vítimas.
Dizem que o problema é federal, pois a BR é federal e o DNER ou DNIT blá blá blá. Acontece que cidades muito menores possuem trevos decentes na BR 040. Ou será falta de representação política em Brasília? Ô deputado, dê uma força aí. Se for falta de representação, a coisa vai ficar do mesmo jeito pois a partir dos 200 candidatos lançados na cidade nunca teremos um deputado realmente nosso (a cidade tem potencial para 1 deputado federal e 2 estaduais que verdadeiramente se preocupariam 24 horas por dia - nos poucos dias que Congresso e Assembleia funcionam - com a nossa cidade).
Ou será que teremos que esperar até 2014... Brasil em ritmo de Copa do Mundo... Sete Lagoas abrigando uma seleção... para lembrarmos que a entrada da cidade é uma das mais ridículas do país? E sem falar do monturo de pedras... ai ai ai.

5 comentários:

  1. Parabens Ramon, pelo sua atitude de mostrar o que se faz de bom e de ruim em nossa cidade. Mostrar o quanto não fazem as nossas autoridades e a omissão ou talvez excesso de zêlo de cada um. Temos de gritar e mostrar o quanto somos ignorados, principalmente quando não é tempo de politica e como somos lesados e esquecidos depois que a politica passa.
    Vamos cobrar de nossas autoridades. É como diz os juizes da Justiça do Trabalho: "Quem não pode que não se estabeleça!" Então podemos dar a réplica: "Quem não pode fazer nada, que não prometa ou continue a ocupar o cargo!"
    Graças a Deus, não estammos sozinhos nessa luta, ainda há alguns setelagoanos que gritam e cobram, mas precisamos nos organizar.
    E vc. pode ter certeza, tenho o maior orgulho de ser seu irmão!

    ResponderExcluir
  2. Quanto ao problema, dizem que têm ainda de desapropriar uma area para fazer uma alça (entrada) menor do que aquela que de Cachoeira ou de BH, não sei bem ao certo, pois o engenheiro não dizia coisa com coisa quando fomos lá (parecia bêbado) resolver aquela entrada lateral que fizeram com o dinheiro publico e só serve para a siderurgicas não precisarem dar a volta no trevo ou na cidade.
    Aquela parede de concreto (Cecé que fez) lá foi eu e um advogado que colocamos, exigindo do DNIT, acabando com a indecencia, já que eles se dizem guediões da BR. Fazer estrada lateral pode, arrumar o trevo não pode, é muita falta de macho nessa cidade né? Por isso, à noitinha o trevo é das "bonecas" para fazer seus programas...

    ResponderExcluir
  3. Ramon, bato palmas para seu post. Realmente nossa cidade está a marcar passo, enquanto outras cidades, antes mais atrasadas, avançam e crescem enchendo de orgulho seus moradores a nossa nos enche de raiva e tistezas! Fico indignada com nossos jardins descuidados, nosso asfalto mais parece uma colcha de retalhos, tais os remendos.
    A limpeza fica muito a desejar , lixo por todo lado, poeira, agua escorrendo pelas ruas e passeios e calçadas mal cuidadas, será que os responsáveis não vêm? É uma pena com tanta beleza narural!
    Um abraço
    Celle

    ResponderExcluir
  4. Circelle, está na hora de todos nós arregaçarmos as mangas, nem que um pouquinho só. Precisamos mostrar que não estamos satisfeitos. Um postzinho aqui, um linkzinho ali, um comentário... o caminho é por aí. A internet é uma ferramenta, uma chance para que nossa voz apareça sem as censuras e interrupções.
    Nosso sonho é o melhor para a cidade. E, por enquanto, sonhar não custa nada.
    Um beijão!

    ResponderExcluir
  5. Ramon,

    Quando fui a Araxá, chegar a ver o preço de uma casa que estava sendo alugada ou vendida lá na cidade. Pequena, hoje tem 100 mil hab. mas funciona, tem toda a infra estrutura e realmente investem lá, por causa do turismo.
    Aqui, nós só levamos ferro gusa no *******, pq. quando está bom o preço no mercado internacional eles ficam caladinhos, quando fica ruim eles choram e demitem... Vai entender...

    ResponderExcluir

Clique em "Participar deste site" e siga o blog para sempre receber informações sobre atualizações. O seu comentário será publicado após ser lido pelo administrador do blog.