As imagens deste blog podem ser usadas livremente, desde que a fonte seja citada: http://ramonlamar.blogspot.com

segunda-feira, 1 de abril de 2013

Pirarucu da Lagoa Paulino ataca lavador de carros

Hoje pela manhã, um fato pra lá de inusitado ocorreu na Lagoa Paulino, próximo à Ilha do Milito, aqui em nossa Sete Lagoas. Passei pelo local alguns minutos depois do ocorrido e apenas pude colher algumas informações das pessoas que presenciaram a situação. Alguns estavam preocupados, outros mal conseguiam falar em meio aos acessos de risos e gargalhadas. 
Acontece que um lavador de carros, um tanto distraído, enfiou o seu balde na água da lagoa com toda força para pegar o máximo de água e finalizar a lavação da BMW que ainda se encontrava ensaboada. Eis que o balde acerta a cabeça de um dos pirarucus (Peixonius bitelus) que passava bem rente à borda, cuidando dos seus filhotes. O pirarucu deu um verdadeiro bote e abocanhou o braço do lavador, puxando-o para dentro da lagoa numa cambalhota espetacular.
Relataram-me que foi uma luta brava entre o pirarucu e o desesperado lavador de carros (e que ainda por cima não sabia nadar). Não bastasse o ataque do pirarucu-pai, os pirarucus-filhotes que o acompanhavam também começaram a mordiscar o rapaz. E joga água pra cima, barro, algas verdes e alguns materiais de consistência duvidosa que semi-flutuavam no local.
E a ajuda que não aparecia? Ninguém tinha coragem de chegar perto para tentar sequer estender o braço ou uma vara de pescar para socorrer o sujeito. Com muito custo e já cheio de machucados nas mãos, o rapaz começou a escalar a borda da lagoa para sair. Aí, veio o golpe de misericórdia: o pirarucu arrancou-lhe a calça e a cueca. Com medo que outra bocada removesse partes mais valorizadas do corpo, o lavador escalou a margem em velocidade acelerada. Sobre a calçada, mão na frente e mão atrás, xingando todos os tipos de impropérios impublicáveis, ainda quase foi atropelado por dois bicicleteiros que passavam em alta velocidade.
No saldo da história, perdeu-se o balde, a calça e a cueca, o dono da BMW foi embora sem pagar a lavação e restaram feridas nos braços, pernas, nádegas e no ego. E para piorar, alguns dos presentes filmaram a cena e prometeram postar no youtube ou vender para o Programa do Ratinho ou algum daqueles programas sobre pesca.

O local onde ocorreu o incidente. (Foto: Ramon L. O. Junior)
Um dos pirarucus da Lagoa Paulino. (Foto: Ramon L. O. Junior)
Filhotes de pirarucu na Lagoa Paulino. (Foto: Ramon L. O. Junior)
Ramon Lamar de Oliveira Junior

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clique em "Participar deste site" e siga o blog para sempre receber informações sobre atualizações. O seu comentário será publicado após ser lido pelo administrador do blog.