As opiniões emitidas neste blog, salvo aquelas que correspondem a citações, são de responsabilidade do autor do blog, em nada refletindo a opinião de instituições a que o autor do blog eventualmente pertença. Nossos links são verificados permanentemente e são considerados isentos de vírus. As imagens deste blog podem ser usadas livremente, desde que a fonte seja citada: http://ramonlamar.blogspot.com

sábado, 19 de janeiro de 2013

Pura arte nos azulejos, em Trancoso (BA)

Estávamos preocupados apenas em curtir o solzinho que abriu nos céus de Trancoso, beber um refrigerante,  uma água mineral ou uma cervejinha (conforme o gosto de cada um) e então, surge em nossa mesa um rapaz pedindo para fazer uma demonstração de pintura em azulejo. Ele estava chegando na praia naquele momento para iniciar seu trabalho diário e precisava fazer uma "amostra" para ver se algum turista se interessava em adquirir sua arte.
"- Ah, tudo bem...", aquela resposta assim, meio sem sal.
De repente o sujeito dá umas espalhadas de tinta no azulejo, mexe as mãos rapidamente pra lá e pra cá e um belo crepúsculo foi tomando forma, com casas, barcos, coqueiros... Grudamos os olhos no trabalho ágil e o pessoal das outras mesas veio levantando e se aproximando, sem acreditar no que via. Das mãos ágeis de um rapaz simples, com tubos de tinta, um paninho inseparável, esponja e palitos ia surgindo um pintura muito bem executada num curtíssimo espaço de tempo. Acho que não foram mais de dois minutos, no máximo três para ficarmos boquiabertos.
"- Caramba, como é que pode!" "- Isso é dom!" "- Vixe Maria, eu não faço nem uma casinha de sapé e um sol entre duas nuvens... depois de dias!"
O sujeito é o Val, Rosivaldo ou Léo, como é conhecido (e muito) em Trancoso. Pois é, o Rosivaldo "Léo" Val é um artista daqueles de qualidade rara. Cada artista tem seu traço, seu estilo, sua sintonia. Val é de qualidade ímpar, ou quase ímpar, já que tem um par que é seu irmão Roni, dono do mesmo estilo. Autodidatas e com certeza portadores de uma mutação genética rara, o dom de fazer encantamentos em poucos minutos com um punhado de tinta num azulejo ou numa peça maior.

Uma amostra feita em menos de 3 minutos.
O Val também faz diversos outros tipos de trabalho: decora churrasqueiras, piscinas, cozinhas, banheiros... às vezes áreas imensas. Alterna, inteligentemente, seus trabalhos na praia (no verão) com outros trabalhos mais extensos (no inverno). Agora pretende ir a Ouro Preto "para ficar um dia inteiro olhando o estilo das casas e igrejas", segundo ele, "e tentar mostrar sua arte para os mineiros". Não tenho dúvidas que será um sucesso.

Trabalhando...
Pronto...
Para os interessados, o contato com o Val pode ser feito pelos telefone 73.9931-4164 ou 73.9804-1132.

Fotos e texto: Ramon Lamar de Oliveira Junior

Um comentário:

  1. Lindo o trabalho dele! Comprei 3 azulejos em Trancoso, quando estive lá!

    ResponderExcluir

Clique em "Participar deste site" e siga o blog para sempre receber informações sobre atualizações. O seu comentário será publicado após ser lido pelo administrador do blog.