As imagens deste blog podem ser usadas livremente, desde que a fonte seja citada: http://ramonlamar.blogspot.com

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Ecodutos sobre e sob rodovias

FONTE: http://www.carlosromero.com.br/2012/07/a-vida-selvagem-pede-passagem.html#ixzz2JZ94J0xy
"Hoje, somos mais de 7 bilhões de humanos e continuamos a conquistar terrenos, a destruir matas, a poluir oceanos. Vivemos de forma expansiva, com essa ilusão de que somos especiais. Seguimos ocupando todos os espaços existentes no planeta... e as outras espécies 'que se explodam'.
Felizmente, tem gente nesse mundo que não age assim, que tem a humildade de pensar na preservação de animais e plantas, tão importantes quanto os chamados seres racionais. 
Vejam só essas estruturas denominadas carinhosamente de ecodutos, que nada mais são do que passarelas interligando ecossistemas que foram fragmentados pela construção de rodovias e de ferrovias. 
Esses corredores verdes permitem que os animais transitem de um lado a outro, em busca de comida, de água, de locais de repouso e de parceiros para acasalamento. Comove saber que essas coisas existem, não?" 


Ecoduct De Woeste Hoeve | Holanda

Ecoduto na autovia A1 | Veluwe | Holanda

Ponte verde sobre a autovia A20, próximo a Grevesmühlen | Alemanha

Ecoduto em rodovia da França

Ecoduto próximo ao Lago Keechelus | Washington | USA

Ecoduto Borkeld | Holanda

Passarela para caranguejos migratórios | Parque Christmas Island | Australia

FOTO | QYD
Ecoduto no Parque Nacional Banff | Canadá

'Ponte para Animais' na Rodovia 93, próximo a Evaro, Montana | Estados Unidos

Passarela sob a Rodovia 46, na Flórida | Estados Unidos

COMENTÁRIO DO BLOG: Em primeiro lugar, precisamos compreender que a manutenção dos processos que envolvem outros seres vivos em nosso planeta é vital para nossa espécie. Não estamos sozinhos e fazemos parte de uma rede intricada de relações que mal compreendemos. É difícil para a maioria das pessoas imaginar qual a importância de um mosquito, de uma barata, de uma aranha e de um rato. Como também é difícil compreender que existem situações que exigem nossa participação consciente, evitando o aparecimento de superpopulações de algumas espécies (as citadas anteriormente são ótimos exemplos) e o desaparecimento de outras (mesmo que essas outras não sejam sempre tão "fofinhas" como coalas e micos-leões-da-cara-dourada). A maioria das obras (não todas) acima é complexa e até certo ponto inimaginável em nosso país onde algumas (espero que poucas) pessoas maltratam seus próprios cães com enxadadas. Mas servem de inspiração, há a necessidade começar... dar o primeiro passo... Nem a colocação de placas alusivas a trânsito de animais temos direito. Mas não será com desânimo que chegaremos a algum lugar. 
Dia 31 de Janeiro é o Dia do Engenheiro Ambiental. Dedico essa postagem aos meus alunos e a todos os demais alunos e engenheiros ambientais formados. Parabéns!


Ramon Lamar de Oliveira Junior

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clique em "Participar deste site" e siga o blog para sempre receber informações sobre atualizações. O seu comentário será publicado após ser lido pelo administrador do blog.