As imagens deste blog podem ser usadas livremente, desde que a fonte seja citada: http://ramonlamar.blogspot.com

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

REMOÇÃO DE PARASITAS É URGENTE

Não bastasse a crise hídrica que estamos enfrentando (é gente, não passou ainda não!) e vemos as árvores sendo literalmente sugadas por um agravo extra. Trata-se das plantas parasitas que insistem em permanecer em nossa cidade. A sua remoção precisa ser feita. No caso do cipó-chumbo, o primeiro passo é acabar com as tais bordaduras de pingo de ouro nas praças. Em algumas delas, a contaminação por cipó-chumbo é enorme e é local de dispersão do parasita para outras plantas. A praça em torno do Museu do Ferroviário é o principal exemplo dessa contaminação. Tudo indica que esses parasitas reinfestaram nossa cidade a partir dali, em mudas contaminadas que foram adquiridas sem critério, anos atrás, quando foi inaugurado o museu.
O outro problema é a erva-de-passarinho, quase uma constante em nossas árvores da arborização pública. Alguns casos são tão grosseiros que fica até difícil descobrir qual a espécie da árvore que foi contaminada.

Erva-de-passarinho em Calistemo na Lagoa do Cercadinho.
Cipó-chumbo em pingo-de-ouro na Praça da Prefeitura (Praça Rio Branco).
Vamos lá, gente! Mãos à obra!

Ramon Lamar de Oliveira Junior

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clique em "Participar deste site" e siga o blog para sempre receber informações sobre atualizações. O seu comentário será publicado após ser lido pelo administrador do blog.