As opiniões emitidas neste blog, salvo aquelas que correspondem a citações, são de responsabilidade do autor do blog, em nada refletindo a opinião de instituições a que o autor do blog eventualmente pertença. Nossos links são verificados permanentemente e são considerados isentos de vírus. As imagens deste blog podem ser usadas livremente, desde que a fonte seja citada: http://ramonlamar.blogspot.com

quinta-feira, 29 de março de 2012

Escorpião amarelo: dois casos fatais na mesma semana

Dois casos na Região Metropolitana de Belo Horizonte, nesta semana, vitimaram duas crianças de 3 anos de idade: primeiro foi a Sara Karla, em Contagem, agora o pequeno Hailander, picado em Caeté. O Serviço de Toxicologia do HPS João XXIII, da Fundação Hospitalar de Minas Gerais, emitiu alerta para as vítimas de picadas de escorpiões para que busquem atendimento imediato. No ano passado (2011), foram registrados 1.254 atendimentos somente nesse hospital. Entre 2009 e 2010, houve 2.512 ocorrências envolvendo escorpiões. 

Escorpião amarelo (Tityus serrulatus). Fonte: Laboratório de Aracnologia, ICB/UFMG.
Escorpião amarelo encontrado em apartamento novo, provavelmente escalou o sistema de esgoto. Foto enviada pela Flávia Franco, leitora do blog. O escorpião encontra-se um pouco destruído. Uma mãe não pensa duas vezes na hora de preservar seu filho, não é mesmo Flávia. Obrigado pela imagem.
O escorpião amarelo, Tityus serrulatus, é o mais perigoso escorpião brasileiro, e um dos mais perigosos do mundo. Sua picada é particularmente grave em crianças e em idosos. Em ambos, graças à menor quantidade de água no corpo, a concentração da toxina atinge valores mais elevados. Em ambos, também, os sistemas de defesa e resistência são menos eficientes (por ainda não estarem completamente desenvolvidos ou por já estarem perdendo a capacidade de resposta).
O veneno é uma neurotoxina, o que explica a forte dor da picada. Minha mãe, que já foi picada quando jovem pelo escorpião amarelo e pelo escorpião marrom (Tityus bahiensis), relatou-me que a dor da picada do amarelo é infinitamente maior. A neurotoxina pode interferir com a liberação dos nossos mediadores químicos mais importantes. Dessa interferência em relação ao sistema simpático (adrenalina/noradrenalina) podem derivar sintomas como alterações da pressão sanguínea, da frequência cardíaca (arritmia) e edema pulmonar. Já em relação ao parassimpático (acetilcolina) podem derivar problemas com as diversas secreções (nasal, salivar, gástrica...), tremores e espasmos musculares, diminuição da pupila (miose) e do rítmo cardíaco.
O escorpião amarelo é registrado em diversos estados brasileiros, com especial predileção pelos estados da Região Sudeste e estados vizinhos como Bahia e Goiás, bem como o Distrito Federal. Os escorpiões adultos medem de 5 a 7 centímetros, com manchas escuras o cefalotórax, pedipalpos e pernas. Por muito tempo acreditou-se que a espécie não possuia machos, reproduzindo-se apenas por partenogênese a partir de fêmeas. A descoberta, a partir de 1999 de machos desta espécie em área de transição de floresta seca e cerrado para caatinga, na Bahia, lançou muita controvérsia sobre o tema. Parece haver, portanto, estratégias reprodutivas de dois tipos, mas a partenogênese é de grande importância pelo explosivo crescimento populacional.
Introduzido em Brasília na década de 1980, T. serrulatus hoje corresponde a 70% dos achados de escorpiões naquela área urbana. Sua capacidade de agir como espécie oportunista, sobrevivendo por muito tempo em ambientes impactados, aliada a alta densidade populacional e tamanho da prole explicam o sucesso dessa espécie e nos indicam o tamanho do perigo.
Alimentam-se de insetos, com grande preferência pelas baratas, caçando principalmente à noite. Durante o dia ficam entocados em frestas, montes de entulhos, restos de construções e em toda sorte de porcarias que escondemos em nossos "quartinhos de muquifo" ou amontoamos num canto do quintal. São diligentemente predados por galinhas. A aquisição de algumas dessas aves é uma medida interessante para combater escorpiões encontrados em casas que têm quintais. O problema é o hábito diurno dos galináceos, contrastante com o hábito noturno dos tais aracnídeos. Mesmo assim, as galinhas ciscam, ciscam, ciscam... e acabam com vários escorpiões.
Em caso de acidente, siga os seguintes procedimentos:
  • Lavar o local com água e sabão e aplicar compressas de água fria. A vítima deve ser mantida deitada e evitar grandes movimentos para não favorecer a distribuição do veneno. Se a picada estiver no braço ou na perna, mantê-los mais elevados. Não fazer torniquete ou sucção no local da ferida, não espremer, cortar, furar ou aplicar folhas ou outros produtos.
  • Coletar o escorpião. Se ele ainda estiver vivo, isso pode ser feito invertendo-se um frasco de boca grande sobre o bicho e passando-se uma folha de papel embaixo do recipiente e do animal, que deve ser substituída pela tampa furada após virar o frasco. Não é necessário colocar alimento. Também é possível capturá-lo segurando o pós-abdome com uma pinça, de modo a impedir o uso do ferrão. Nunca utilize sacos plásticos para aprisionar indivíduos. Também é importante saber para realizar a captura que escorpiões não saltam. Se o animal estiver morto, coloque-o em um frasco de vidro com álcool. Se possível, identifique o escorpião. Constatado alto grau de periculosidade, leve a vítima imediatamente a um hospital.
  • Observe a vítima. Se ela apresentar os sintomas: náuseas ou vômito, suor excessivo, abaixamento da temperatura, agitação, tremores, salivação, aumento da frequência cardíaca e da pressão sanguínea, leve-a imediatamente ao serviço de saúde mais próximo com o escorpião capturado. O soro anti-escorpiônico deve ser aplicado em último caso, pois pode gerar distúrbios. Em pacientes com hipersensibilidade (alérgicos) pode até mesmo levar a óbito. Esse, no entanto, é o único tratamento eficaz para a maioria dos casos graves.
  • Notifique o órgão municipal responsável sobre o ocorrido, mesmo que o acidente tenha sido leve, mesmo que tenha ocorrido apenas a visualização/captura de escorpiões. Essa etapa é esquecida por muitos, mas é de suma importância para alertar a população local sobre riscos, guiar medidas e focalizar áreas para ações de controle e até mesmo garantir estatísticas reais. (Adaptado de: http://www.ibaraki.com.br/escorpiao-o-veneno-dos-escorpioes-e-suas-consequencias.htm)
Fonte: Ministério da Saúde, conforme www.ibaraki.com.br
CURIOSIDADES E OUTRAS INFORMAÇÕES:
  • Escorpião é aracnídeo, não é inseto. Portanto não morre com a aplicação de inseticidas usuais. A aplicação de inseticidas costuma piorar o problema, pois mata as baratas. Com isso, os escorpiões tornam-se mais ativos, migrando pelo terreno ou pela casa à procura de alimentos.
  • Escorpiões emitem uma fluorescência azul quando iluminados com luz ultravioleta (luz negra). Tal técnica é usada para a pesquisa da presença desses aracnídeos em locais como cemitérios e depósitos de materiais dos mais diversos tipos. Claro que só funciona à noite.
  • O número de segmentos no abdômen ("cauda") do escorpião é constante e não tem nada a ver com a idade do bicho. Aliás, o veneno é produzido por escorpiões de todas as idades.
  • Escorpião não se suicida. O veneno do escorpião é ineficaz contra o próprio escorpião. Além disso, o aguilhão ("ferrão") não consegue romper o espesso exoesqueleto do dorso do escorpião. Na verdade, quando presos em um círculo de fogo, os escorpiões tentam "atacar o fogo" e acabam morrendo pelo efeito do calor. Fizemos tal experimento no curso de Biologia, na UFMG, quando do estudo desses animais. Naquela época, experimentos desse tipo eram mais tolerados.
  • Em caso de acidentes na nossa região, o HPS João XXIII de Belo Horizonte é o centro de referência para esse tipo de caso. Inclusive para acidentes com aranhas e cobras. Se em sua cidade o atendimento estiver complicado (sem soro, sem um protocolo rápido de ações) dirija-se imediatamente para o João XXIII.
Ramon Lamar de Oliveira Junior

PS1.: Aproveito esta postagem para relatar mais um encontro de escorpião amarelo em estabelecimento no entorno do Mercado Municipal e Teatro Redenção, aqui em Sete Lagoas.

PS2.: Alyne Goulart, ex-aluna e atualmente estudante de Medicina na Ciências Médicas (FCMMG) postou o seguinte comentário no Facebook sobre este tópico.

"Ramon, muito boa a postagem. Lembrando que a Unidade de Toxicologia do Hospital João XXIII tem um Centro de Informações e Assistência Toxicológica disponível. Acho que vale muito a pena divulgar: (31)32244000 ou 08007226001."
PS3.: Para indicações sobre venenos com ação sobre escorpiões, leiam o comentário publicado em 15 de junho de 2014 por "E mai essa..."

PS4.: Leiam sobre Alerta Sobre Risco de Acidentes em http://ramonlamar.blogspot.com.br/2014/12/alerta-sobre-risco-de-acidentes-com.html

PS5.: Infográfico sobre escorpionismo do website do Estado de Minas: http://www.em.com.br/app/infografico/2012/09/28/interna_infografico,360/escorpioes.shtml

40 comentários:

  1. Ramon, sábado pela manha vi um escorpiao amarelo, morto, em frente ao Banco HSBC.

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde ! Tenho 18 anos e passei recentemente na UFAL - Universidade Federal de Alagoas no curso de Ciências Biológicas ( Biologia ), sou fissurado por esse bichos e encontrei um escorpião amarelo aqui na minha residência por esses dias e vim pesquisar mais sobre ele, esse blog foi bastante útil pois me ajudou muito, pretendo apresentar e me aprofundar nos estudos dos escorpiões na universidade já que acho eles aracnídeos interessantíssimos ! Ahh, e o escorpião que encontrei, estou criando em um recipiente de vidro com tampa furada, espero que sobreviva. Muito bom a postagem, parabéns ! :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Dacar. É um prazer receber um colega por aqui. Se você tem Facebook, procure o meu (Ramon Lamar) e do nosso colega biólogo João Paulo Pena Barbosa (Butantã). Com certeza ele poderá lhe repassar muitas outras informações.
      Ah, procure usar uma lâmpada UV (luz negra) para visualizar a fluorescência do escorpião.
      Abraços.

      Excluir
    2. Ontem quase engoli um escorpião amarelo. Pois estava dentro do copo qq bebi a água e só notei depois que engoli a água...rsrsrs

      Excluir
  3. Boa noite, acabei d achar dois escorpiões amarelo em casa, moro em Buritis Mg, bairro taboquinha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marizeth, desculpe-me. Só vi sua mensagem agora. Precisa de alguma orientação ou as do tópico e comentários já foram suficientes?
      Abraços. Fico na torcida para que tudo fique bem com vocês.

      Excluir
  4. No meu apartamento encontrei um pequeno amarelo, e na casa da minha mãe foram encontrados dois grandes também do amarelo, morro de medo desse inseto, tenho muito medo mesmo pois tenho medo que piquem minha gata, quando eu estiver trabalhando e não ver, pois gato é predador, e no caso se me picarem quando eu estiver dormindo???E se tiver outro na minha casa?????????? Eu tenho tanto desespero desse insento que não consigo nem agir quando vejo ele, eu entro em pânico. Mas adorei as dicas, porém eu tenho esse medo. E se picar a minha gata de estimação, ou a nina que é a cachorrinha que a minha mãe cria? Como devemos agir, pois o bicho não demonstra e se não virmos que ele picou ai que fica dificil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Reno, antes de tudo, mantenha a calma. Sei que a fobia por esses animais é forte, mas precisamos manter a calma e uma linha de raciocínio. Os pelos dos animais normalmente os protegem de muitos acidentes (claro que não de todos), mas já é uma vantagem que eles possuem. E se eles forem picados vão dar sinal sim pois a picada é dolorosa (latidos, miados, o inferno na terra). A picada do animal é dolorosa e se alguém for picado dormindo irá acordar na hora. Esse tipo de acidente só acontece se o escorpião estiver na cama (ou sofá) e a pessoa inadvertidamente rolar sobre ele. Mas geralmente não são animais que escalam camas ou sofás. É mais comum vê-los no chão, na parede ou atrás de móveis, locais onde pode encontrar seus alimentos preferidos, os insetos.
      Procure seguir as orientações de limpeza da casa e do entorno da casa, pois o lixo acumulado no quintal é que atrai os insetos... e atrás deles os escorpiões. Se sua mãe mora em casa, sugiro comprar umas duas ou três galinhas e deixar elas passearem em volta da casa por alguns dias... elas acabam com os escorpiões.
      Abraços!

      Excluir
  5. minha irma acabou de ser picada
    o site ajudou muito vlw!!!

    ResponderExcluir
  6. Opa muitas informações úteis nesse artigo. Porém existem produtos no mercado comum marcados como INSETICIDAS e que MATAM ESCORPIÕES SIM ... Não é o único blog que vejo afirmando isso, aliás já vi um dizendo que não existe veneno algum eficaz contra escorpião. Não cometam tamanho absurdo de desinformação, isso pode custar vidas humanas. A quem interessar, procure informações sobre os venenos:
    Ficam VC,
    Responsar SC
    Solfac CE

    Todos 3 são produtos de uso profissional fabricados pela Bayer:
    http://www.bayercropscience.com.br/site/pragas.fss?Praga=4

    Eu os mencionei apenas para mostrar que existem sim formas de combater escorpiões e que é possível contratar um empresa de dedetização na sua cidade pra resolver o problema.

    Aqui em casa, vez ou outra apareciam escorpiões amarelos. Usei K Othrine SC 25 (comprado num mercadinho próximo de casa) é indicado para moscas e insetos rasteiros e isso já foi suficiente pra matar escorpiões (na verdade ele causa um tipo de paralisia crítica no inseto e/ou aracnídeo, não conseguem se deslocar e depois de um tempo ele vai morrer ali mesmo, a não ser que você " finalize logo o serviço" . No entanto no caso do escorpião não recomendo cutucar o bicho com mãos nuas) ah e fez com que baratas desaparecessem tbm. ( Por causa dos escorpiões usei uma dosagem um pouco mais concentrada).

    Tabela com relação de produtos e suas indicações :
    http://www.bayercropscience.com.br/produtos/folheto/Folheto%20Linha%20AgroRevenda%202008.pdf

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ok, obrigado pelas informações. Acrescentarei um PS indicando seu comentário. Abraços.

      Excluir
    2. Realmente o inseticida K-Othrine mata escorpiões sim, eu mesmo usei na semana passada, joguei por toda a casa, e apareceu um escorpião amarelo morto dentro do banheiro, alem de várias baratas é claro, eu fiz uma mistura com pouca água, agora não sei se misturar mais água irá matar os escorpiões...abraços!

      Excluir
  7. Boa Tarde, obrigado pelas informações, já apareceram 3 dos amarelos em minha casa, ontem foi um dos grandes. Estamos bem preocupados, principalmente por ter crianças em casa. Já estamos providenciando ajustes nos acessos ao esgoto por onde essas pragas podem estar entrando, além disso, gostaria de saber se você sabe de algum produto que podemos aplicar em casa para "espantar" esses bichos.
    Muito obrigado!!! Fábio

    ResponderExcluir
  8. O Vertimec é aracnicida, será que controla o escorpião?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vi na bula indicação para o controle de escorpiões. Apenas para ácaros. Sugiro cuidado pois as informações da bula são de efeito residual tóxico muito prolongado.

      Excluir
  9. oii Td bem ?? gostei mto dessa postagem, achei o blog pelo google, procurando o assunto escorpioes x alcool . tudo começou quando achei que tinha um escorpiao preto aki no quintal , mas era apenas uma ''aranha'' segundo minha mãe (nao sei , era um bicho esquisito , mas como era de noite pareçia o escorpiao com a cauda levantada , so que era a perninha do bicho ) entao joguei alcool nele - vi no site ''fatos desconhecidos '' que jogar alcool no escorpiao , ou colocar o mesmo no alcool ele iria se picar ''ate a morte '' . bem,achei estranho o veneno dele prejudicar ele mesmo , nisso a postagem de vcs esclareceu bastante . gostaria de saber se o que mata o escorpiao no alcool , é o proprio alcool ele estando imerso nela, em um vidro , por exemplo ; ou se apenas jogar alcool no animal resolve ??? no aguardo da resposta abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! O álcool primeiramente mata o escorpião por impedir a sua respiração uma vez que o líquido impede a entrada de oxigênio. Em seguida vai lentamente penetrando no corpo do animal .

      Excluir
    2. Ou seja, só jogar álcool não resolve!

      Excluir
  10. Respostas
    1. Puxa, Raquel, espero que você se recupere rápido.

      Excluir
  11. Achei um escorpião na minha casa,nao sei como foi parar em casa pois,tomo muito cuidado com a casa,mantendo sempre limpa,e cuido muito bem do quintal não deixando nada de entulho, estou em pânico pois tenho uma filha de 3 anos,nao consigo nem durmir ficoo tempo todo olhando minha filha pra ver se não tem nenhum escorpião por perto enquanto ela dorme,oque faço existe algum veneno que possa acabar com eles?me ajudem por favor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vanusa, leia os comentários acima onde há indicações de produtos capazes de matar escorpiões. Mas muito cuidado com as doses, pois você possui criança pequena em casa. Leia especialmente o comentário de 15 de junho de 2014 de "E mai essa...".

      Excluir
  12. Encontrei 3 filhotes de serrulatos c2 ou3 cm em Januaria me vi tentado a tomar uma picada p saber como e seria perigoso mesmo sendo filhotes finciona como uma vacina o organismo aprende se defender ou toda vez que alguem for picado corre o mesmo risco?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dimar, o risco de ser picado é grande. Não faça isso. Não se consegue imunidade dessa maneira, seria necessário ser picado várias vezes. E no mais, o veneno é neurotóxico, ou seja, mesmo que evitasse complicações, não evitaria a forte dor de cada picada.

      Excluir
  13. Existem aqui apenas dois venenos para escorpião para vender : Cipermol 40 (Cipermetrina) e Poderoso(Fipronil). Qual desses é o mais eficiente?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que a cipermetrina possa ser mais eficiente. Mas fique bastante atento às instruções e aplicação. Siga-as à risca. Inclusive protegendo-se do contato com o veneno.

      Excluir
  14. O escorpião pode subir 16 andares? Moro em apartamento e fiquei preocupada pq vi no Jornal Nacional que ele foi encontrado num ap.

    ResponderExcluir
  15. Boa noite, fui picada por escorpião amarelo hoje por volta das 23h, fui ao ps e foi aplicado anestesia no local, mas nao consigo dormir, muita dor!!! Já tomei lisador....mas sem efeito! Tomem cuidado e parabéns pela reportagem.

    ResponderExcluir
  16. Meus caros, vi acima que há uma postagem indicando utilização de venenos no combate ao escorpião.
    Contratei empresa especializada por medida de profilaxia (nunca havia aparecido em casa), pois tenho crianças pequenas e no bairro onde moro há muitas ocorrências.
    Na mesma semana em que foram utilizados os produtos FICAM, K-OTHRINE e DEMAND apareceram escorpiões no vaso sanitário.
    O primeiro, com cerca de 02 cm, apareceu vivo, na parede interna do vaso.
    No outro dia (hoje) apareceu outro, com cerca de 05 cm, que estava morto na água, com um filhote ao lado.
    Parece-me que os animais, por não terem outro local para saírem (os ralos são todos tampados), tentaram escapar pelo vaso e morreram afogados...
    Talvez esses produtos comercializados por "consagradas multinacionais" e aplicado por "empresas especializadas" (tudo com chancela do Ministério da Saúde) provoquem mais irritação do que mortalidade entre os animais.
    Pesquisando, achei estudo da Universidade de Uberlândia neste sentido.
    Segue o link:
    http://reocities.com/HotSprings/5967/bioensaio.html

    ResponderExcluir
  17. encontrei um escorpião amarelo na cama do meu sobrinho de 4 anos capturamos ele e dois dias depois apareceu outro no quarto ao lado . estamos em panico . pois me disseram que o escorpião pode ficar sem respirar por ate dez horas isto é verdade ? como posso acabar com eles ? por favor me ajude !!

    ResponderExcluir
  18. Desculpe a demora. Espero que tenha lido as outras respostas dos comentários. Tudo que sei sobre combate a escorpiões está aí. Quanto à respiração, sei que no álcool resistem por 15 a 20 minutos.

    ResponderExcluir
  19. Boa noite. No município de São Félix na Bahia existem uma variabilidade de especies escorpiônicas, porém, o número de escorpiões amarelo inclusive, é absurdamente gritante. As autoridades competentes tem conhecimento desse fato formalmente há mais de dois anos e nada fazem nem como prolaxia em busca do combate desses peçonhentos terríveis que tiram o sono deas pessoas. Falo com propriedade pois estou gestante e no dia 02 de fevereiro deste, fui acometida de outra picada, ou seja, uma reincidente. Estou em pânico na verdade, pois outras pessoas são vítimas e se quer ficam em paz com medo de serem vitimas novamente ou terem seus familiares e amigos vitimados também. Gostaria de saber qual órgão do governo federal poderia entrar em contato para tomar medidas emergenciais.Agradeço todas as informações acima descritas, afirmo que foram muito úteis. Tudo aqui descrito é muito importante para orientar os menos esclarecidos. Ainda assim manter a luz acesa afasta alguma possibilidade dele sair para caçar a noite? Gostaria de saber se por estar grávida meu bebê corre algum risco ou demanda algum procedimento pois o veneno deve ter passado na placenta para o bebê? Fico grata por alguma orientação. Deus nos livre desse monstro que tem uma picada tão dolorida que me levou ao desespero e a loucura, e, achei até que iria morrer, mas graças a Deus estou aqui buscando conhecimento a fim de ajudar outras pessoas. Muita paz!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mell, obrigado pelas suas palavras e considerações. Aqui na minha cidade (Sete Lagoas, MG) a coisa também está ficando complicada. Os jornais locais noticiaram vários encontros nas últimas semanas e no final do ano passado uma pessoa faleceu. Infelizmente desconheço qual órgão do governo federal poderia atuar diretamente nessa questão. Atualmente estão muito preocupados com mosquitos e estão deixando esses problemas em décimo plano. Quanto à luz, imagino que possa ajudar, mas nunca li nada a respeito. Quanto ao bebê e ao fato de ter sido picada também nunca vi nada a respeito, mas acredito que seu corpo e sua placenta devem tê-lo protegido adequadamente. Se eu encontrar mais algum dado que lhe ajude escreverei aqui. Abraços!

      Excluir

Clique em "Participar deste site" e siga o blog para sempre receber informações sobre atualizações. O seu comentário será publicado após ser lido pelo administrador do blog.